MULTENG2
MultEng - Engenharia

O que é : Vibrações no local de trabalho

O que são Vibrações no local de trabalho?

As vibrações no local de trabalho são um fenômeno que ocorre quando há a transmissão de energia mecânica para o corpo humano através de máquinas, equipamentos ou ferramentas utilizadas durante a jornada de trabalho. Essas vibrações podem ser classificadas em duas categorias: vibrações de corpo inteiro e vibrações de mãos e braços.

Vibrações de corpo inteiro

As vibrações de corpo inteiro são aquelas que afetam todo o corpo do trabalhador, sendo transmitidas principalmente através do contato com superfícies vibratórias, como assentos de veículos ou máquinas. Essas vibrações podem ser causadas por diversos fatores, como a operação de veículos pesados, como tratores ou caminhões, ou pela exposição a maquinários industriais.

Os efeitos das vibrações de corpo inteiro podem variar de acordo com a intensidade e a frequência das vibrações. Em casos mais graves, podem causar danos à saúde do trabalhador, como problemas circulatórios, musculares e até mesmo lesões na coluna vertebral. Por isso, é importante que as empresas adotem medidas de prevenção e controle dessas vibrações, visando garantir a segurança e o bem-estar dos seus colaboradores.

Vibrações de mãos e braços

As vibrações de mãos e braços são aquelas que afetam especificamente as mãos e os braços do trabalhador, sendo transmitidas principalmente através do contato com ferramentas manuais ou máquinas portáteis. Essas vibrações podem ser causadas por diversas atividades, como o uso de martelos pneumáticos, lixadeiras ou serras elétricas.

Assim como as vibrações de corpo inteiro, as vibrações de mãos e braços também podem causar danos à saúde do trabalhador. Os principais efeitos dessas vibrações são os distúrbios circulatórios e musculoesqueléticos, como a Síndrome da Vibração Mão-Braço (SVMB), que se caracteriza por dores, formigamentos e perda de sensibilidade nas mãos e nos braços.

Legislação e normas de segurança

No Brasil, existem normas regulamentadoras que estabelecem os limites de exposição às vibrações no local de trabalho, visando garantir a saúde e a segurança dos trabalhadores. A Norma Regulamentadora 15 (NR-15), por exemplo, estabelece os limites de tolerância para a exposição ocupacional ao ruído e às vibrações, enquanto a Norma Regulamentadora 9 (NR-9) estabelece os critérios para avaliação e controle das exposições ocupacionais a agentes físicos.

Além das normas regulamentadoras, existem também outras legislações que abordam o tema das vibrações no local de trabalho, como a Lei nº 8.080/1990, que dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, e a Lei nº 8.213/1991, que dispõe sobre os Planos de Benefícios da Previdência Social.

Medidas de prevenção e controle

Para prevenir e controlar as vibrações no local de trabalho, é fundamental que as empresas adotem medidas de prevenção e controle, visando garantir a segurança e o bem-estar dos trabalhadores. Algumas dessas medidas incluem:

– Avaliação dos riscos: é importante que as empresas realizem uma avaliação dos riscos relacionados às vibrações no local de trabalho, identificando as fontes de vibração, os trabalhadores expostos e os possíveis danos à saúde;

– Treinamento e conscientização: os trabalhadores devem receber treinamento adequado sobre os riscos das vibrações no local de trabalho e as medidas de prevenção e controle a serem adotadas;

– Uso de equipamentos de proteção individual (EPIs): os trabalhadores expostos às vibrações devem utilizar EPIs adequados, como luvas e protetores auriculares, visando minimizar os efeitos das vibrações;

– Manutenção preventiva: é fundamental que as máquinas e equipamentos sejam submetidos a manutenções preventivas periódicas, visando garantir o seu bom funcionamento e reduzir as vibrações;

– Redução do tempo de exposição: as empresas devem buscar formas de reduzir o tempo de exposição dos trabalhadores às vibrações, por meio da adoção de pausas regulares e da implementação de rodízio de funções;

– Monitoramento da saúde dos trabalhadores: é importante que as empresas realizem o monitoramento da saúde dos trabalhadores expostos às vibrações, por meio de exames médicos periódicos, visando identificar precocemente possíveis danos à saúde.

Conclusão

As vibrações no local de trabalho são um fenômeno que pode causar danos à saúde dos trabalhadores, sendo importante que as empresas adotem medidas de prevenção e controle para garantir a segurança e o bem-estar de seus colaboradores. Através da avaliação dos riscos, treinamento adequado, uso de EPIs, manutenção preventiva, redução do tempo de exposição e monitoramento da saúde dos trabalhadores, é possível minimizar os efeitos das vibrações e promover um ambiente de trabalho mais seguro e saudável.