MULTENG2
MultEng - Engenharia

O que é: Assédio moral

O que é Assédio Moral?

O assédio moral é uma forma de violência psicológica que ocorre no ambiente de trabalho, caracterizada por ações repetitivas e intencionais que visam humilhar, constranger, intimidar ou desvalorizar um indivíduo. Essas ações podem ser praticadas por um superior hierárquico, colegas de trabalho ou até mesmo subordinados, e têm como objetivo prejudicar a vítima, afetando sua autoestima, saúde mental e desempenho profissional.

Como identificar o Assédio Moral?

Identificar o assédio moral pode ser um desafio, pois muitas vezes as ações são sutis e disfarçadas. No entanto, existem alguns sinais que podem indicar a ocorrência dessa prática no ambiente de trabalho. Alguns exemplos incluem:

– Comentários depreciativos e ofensivos constantes;

– Isolamento e exclusão da vítima;

– Sobrecarga de trabalho injusta;

– Difamação e disseminação de boatos;

– Atribuição de tarefas humilhantes ou impossíveis de serem cumpridas;

– Ignorar ou desvalorizar o trabalho realizado pela vítima;

– Gritos, xingamentos e ameaças verbais;

– Monitoramento excessivo e invasão de privacidade;

– Manipulação e sabotagem de projetos;

– Recusa em fornecer feedback construtivo;

– Retenção de informações necessárias para o desempenho das atividades;

– Pressão psicológica para que a vítima peça demissão.

Consequências do Assédio Moral

O assédio moral pode ter consequências devastadoras para a vítima, tanto no âmbito profissional quanto pessoal. Alguns dos efeitos mais comuns incluem:

– Estresse e ansiedade;

– Depressão e outros transtornos mentais;

– Baixa autoestima e falta de confiança;

– Problemas de sono;

– Dificuldades de concentração e memória;

– Queda no desempenho profissional;

– Aumento do absenteísmo e da rotatividade;

– Isolamento social;

– Problemas de relacionamento interpessoal;

– Danos à saúde física, como dores de cabeça e problemas gastrointestinais;

– Suicídio, em casos extremos.

Legislação sobre Assédio Moral

No Brasil, o assédio moral é considerado uma prática abusiva e é proibido por lei. A Constituição Federal estabelece que todos têm direito ao trabalho em condições dignas e que é dever do empregador garantir um ambiente saudável e livre de violência. Além disso, a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) prevê que o assédio moral pode ser caracterizado como uma forma de dano moral, passível de indenização.

O que fazer em caso de Assédio Moral?

Se você está sofrendo assédio moral no trabalho, é importante buscar ajuda e tomar medidas para proteger seus direitos. Algumas ações que podem ser tomadas incluem:

– Documentar todas as ocorrências, incluindo datas, horários, pessoas envolvidas e descrição detalhada dos acontecimentos;

– Conversar com colegas de confiança e buscar apoio;

– Procurar orientação jurídica para entender seus direitos e as medidas legais que podem ser tomadas;

– Registrar uma queixa formal na empresa, seguindo os procedimentos internos estabelecidos;

– Caso a empresa não tome medidas efetivas para resolver a situação, é possível recorrer à Justiça do Trabalho;

– Priorizar sua saúde e bem-estar, buscando apoio psicológico e cuidando de si mesmo;

– Compartilhar sua experiência para conscientizar outras pessoas sobre o assédio moral e lutar por mudanças no ambiente de trabalho.

Prevenção do Assédio Moral

A prevenção do assédio moral é fundamental para garantir um ambiente de trabalho saudável e respeitoso. Algumas medidas que podem ser adotadas pelas empresas incluem:

– Estabelecer políticas claras de combate ao assédio moral e disseminá-las entre os colaboradores;

– Promover treinamentos e capacitações sobre respeito e ética no ambiente de trabalho;

– Incentivar a comunicação aberta e o diálogo entre os colaboradores;

– Criar canais de denúncia seguros e confidenciais;

– Realizar investigações imparciais e tomar medidas disciplinares quando necessário;

– Fomentar uma cultura de respeito e valorização das diferenças;

– Oferecer suporte psicológico e acompanhamento para as vítimas de assédio moral;

– Estabelecer parcerias com instituições especializadas em prevenção e combate ao assédio moral.

Conclusão

O assédio moral é uma prática inaceitável que causa danos significativos às vítimas. É importante que as empresas e a sociedade como um todo estejam atentas a essa questão e tomem medidas efetivas para prevenir e combater o assédio moral no ambiente de trabalho. Todos têm o direito de trabalhar em um local seguro, respeitoso e livre de violência.